Planejamento estratégico de clínica veterinária: saiba como fazer

planejamento estratégico clinica veterinaria

Equipe SimplesVet  –  

Tempo de leitura: 9 minutos

Empreender é um momento de muita coragem e emoção. Além disso, está no DNA do brasileiro: atualmente, o país é o sétimo no ranking global com o maior número de empreendedores. Mas, além desses elementos tão importantes, sabe o que pode nortear o sucesso da sua empresa? Ter um bom planejamento estratégico para a sua clínica veterinária.

Pois, assim, você tem à disposição um material que ajuda a situar a sua marca. E também antecipa riscos, ameaças, fraquezas, mantendo seus objetivos sempre em perspectiva.

Quer entender como isso funciona na prática? Entenda, nos tópicos abaixo, tudo o que você precisa saber sobre um plano de negócio para clínicas veterinárias!

O que é o planejamento estratégico para clínica veterinária?

Você, certamente, quer empreender e criar algo diferente, valioso e que ajude os seus clientes — e muitos pets —, certo? E é basicamente isso o que o planejamento estratégico da sua clínica veterinária pode fazer.

Tudo porque o documento ajuda a traçar objetivos, pontos de atenção, riscos ao seu negócio e as oportunidades que podem surgir. Além, é claro, de servir de material de apoio para avaliar os passos a serem dados para a manutenção e o crescimento da sua empresa.

Sem falar que um planejamento estratégico é uma espécie de recurso elementar para entender como funciona a sua gestão. Especialmente, para quem não tem conhecimento em administração de negócios, empreender pode ser assustador.

Com isso, um documento como esse pode minimizar a quantidade e gravidade dos imprevistos no dia a dia. E também atua como aliado na tomada de decisões e na avaliação das melhores ações a serem tomadas corriqueiramente.

Não à toa, um planejamento estratégico é elaborado antes mesmo de abrir as portas da sua clínica veterinária pela primeira vez (embora você possa revisar o seu documento a qualquer hora, viu?). 

Controle de vacinas, estoque e mais.
Gestão pet é com SimplesVet.

Importância do planejamento estratégico em clínicas veterinárias

A gente acha que o planejamento é fundamental para qualquer negócio, e não só da área pet. Pois é a partir dos dados usados para a produção desse documento que você pode abrir a sua empresa ou, até mesmo, definir as melhores ações de expansão para ela.

E mais: um planejamento estratégico tem valor externo, também. Afinal, você vai compilar as informações por meio de dados do mercado pet, da concorrência e do perfil do seu público-alvo. 

Importância do planejamento estratégico em clínicas veterinárias

Cesvet (RJ), cliente SimplesVet

Fala a verdade: isso, por si só, já é uma aula e tanto para aprender mais sobre o seu segmento de atuação e preparar-se para todo e qualquer obstáculo, não é mesmo?

Lembre-se, então, que o planejamento estratégico pode servir para:

  • adaptar-se às exigências regulatórias do seu setor de atuação;
  • identificar oportunidades e carências no mercado;
  • preparar-se contra os desafios do seu setor;
  • estabelecer metas e objetivos em curto, médio e longo prazo;
  • estruturar a sua empresa.

Sem dúvidas, o planejamento estratégico para clínicas veterinárias é um material essencial para blindar a sua empresa contra os riscos que podem ameaçar a sustentabilidade e longevidade da sua marca.

Saiba como fazer um bom planejamento estratégico: passo a passo

Agora que já vimos o que é o planejamento estratégico e qual é a sua importância, podemos entender um pouquinho do seu valor na prática.

E, para isso, destacamos alguns pontos-chave para você aprender como fazer um bom planejamento estratégico. Confira!

Análise de mercado

Existe uma pílula de sabedoria e bom senso que prega o seguinte: “nunca mergulhe em águas nas quais você desconhece a profundidade”

Acontece que isso pode ser aplicado para qualquer jornada empreendedora também.

Por isso, antes mesmo de começar a pensar na estrutura da sua clínica veterinária, é fundamental saber onde você está entrando. E qual é a profundidade desse setor.

Daí, a análise de mercado para servir de instrumentos de avaliação. Com ela, dá para entender um pouquinho sobre o momento e os registros históricos do segmento de seu interesse. Além dos desafios que outros empreendedores enfrentaram e ainda enfrentam, qual é a demanda do consumidor, quem é o seu público-alvo, quem são os competidores…

Saiba mais: aprenda como montar um plano de negócios para clínicas veterinárias

Percebe como são muitas informações — e bastante diversificadas —, mas que contribuem ativamente para que você não faça um “mergulho às cegas” no empreendedorismo?

Para fazer isso, recomendamos que você avalie o perfil do seu público-alvo, inicialmente, e converse com fornecedores em potencial de serviços e produtos. Além disso, monitore o trabalho de marketing e relacionamento dos concorrentes. Isso ajuda a constituir uma percepção melhor das ações e campanhas que surtem efeito (ou não) e vai também ajudar na confecção da sua análise de mercado.

Estratégia de marketing

A partir das informações acima, você já consegue alinhar algumas expectativas e estratégias para montar seu plano de marketing.

Para começar: as plataformas de criação de conteúdo (como Facebook, Instagram, TikTok, WhatsApp etc.) e até mesmo o tipo de postagem que vai ser desenvolvido.

Complementarmente, você vai saber mais sobre a precificação de serviços e produtos e como explorar os diferenciais da sua marca. Com presença digital e planejamento estratégico, você gera valor para o seu público-alvo e audiência em cada postagem.

Saiba como fazer um bom planejamento estratégico: passo a passo

Reino Animal (MG), cliente SimplesVet

Plano operacional

Na etapa seguinte do planejamento estratégico para a sua clínica veterinária, elabore o plano operacional. 

Mas o seria isso?

Basicamente, é um material que detalha:

  • a estrutura da sua empresa;
  • a quantidade de colaboradores;
  • sua capacidade de atendimento;
  • o valor mínimo de estoque;
  • seu investimento inicial;
  • a localização da sua empresa.

Tudo aquilo, portanto, que vai tirar o seu sonho do campo das ideias e dar forma e volume em um documento para ser colocado em prática .

Análise financeira

Acima, falamos a respeito do valor de investimento como parte do plano operacional, mas você deve ir além das cifras anteriores. E é para isso que serve a análise financeira.

Nela, você vai considerar todo tipo de aporte para colocar o seu empreendimento em ação e o que é necessário para mantê-lo ativo e equilibrado, financeiramente, para equilibrar as contas ao fim de cada mês.

Nesse ponto, um bom sistema de gestão para clínicas veterinárias contribui com a otimização desse trabalho. Como é o caso do SimplesVet, que contém recursos e ferramentas pensados para as particularidades do seu negócio, especificamente, e ajudam em todas as etapas da sua gestão — na área financeira, inclusive.

Crie uma identidade organizacional

Seu planejamento estratégico também deve ser pontuado pelo cuidado com a imagem da sua marca. Ou seja: a sua identidade organizacional.

Isso inclui muitos elementos, é verdade, mas todos de significante importância, como:

  • sua  logomarca;
  • as cores da sua marca;
  • o tom de voz usado pela empresa em todos os meios de comunicação;
  • os pilares institucionais da sua clínica veterinária (como missão, valores e visão);
  • sua cultura organizacional.

Entenda que isso tudo vai servir para gerar familiaridade, identificação e reconhecimento do consumidor, mas também atua como elemento agregador para a contratação de uma equipe alinhada com os valores da empresa. E mais: com a forma desejada de interagir e se relacionar com as pessoas e os animaizinhos de estimação.

Estabeleça KPIs

O planejamento estratégico da sua clínica veterinária tem que saber quais são os seus objetivos. Mas, acima de tudo, deve saber quais são as métricas que vão servir de meio de análise de desempenho.

Por exemplo: seu ticket médio; o índice de turnover; a taxa de churn; o grau de satisfação dos clientes; a média de cancelamentos e atrasos e o impacto no atendimento diário…

Ou seja: métricas (ou KPIs, que é a sigla para o termo em inglês Key Performance Indicators) podem ser tão amplas quanto diversificadas. E você só vai entender quais delas acompanhar com prioridade ao ter as suas metas estabelecidas.

Como organizar uma clínica veterinária?

Vet Medical Center (ES), cliente SimplesVet

Trace prazos e metas para cada ação

Complementando o tópico acima: seus indicadores de desempenho (KPIs) favoritos vão ser aqueles que se relacionam direta e indiretamente com os seus prazos e metas.

Por isso, mais do que qualquer outra coisa: tenha propósito. Saiba onde você quer levar a sua empresa nos próximos três, seis e 12 meses. As respostas para tais questões ajudam você a conduzir a sua empresa com mais segurança, assertividade e eficiência operacional.

Daí, a importância em detalhar isso tudo no seu planejamento estratégico.

Faça um levantamento dos pontos fracos e dos fortes

Com tudo o que já destacamos até aqui, você já deve ter uma boa quantidade de pontos fortes e focos de atenção em torno da abertura de uma clínica veterinária.

E é fundamental que você tenha essas informações sempre à vista. Pois é por meio dessa avaliação que você consegue ter planos de ação focados em oportunidades, riscos e ameaças (um trabalho estratégico conhecido como análise SWOT). E isso pode potencializar os resultados e minimizar os eventuais prejuízos quando essas situações surgirem em sua rotina de trabalho.

Como organizar uma clínica veterinária?

Com o seu planejamento estratégico elaborado e as ações previstas já em desenvolvimento para serem executadas no dia a dia, é hora de pensar em como organizar sua clínica veterinária.

E, a seguir, reunimos algumas informações que podem ajudar você a dar os primeiros passos na rotina de gestão de uma clínica veterinária. Confira:

  • planeje a estrutura da sua empresa. Defina a localização de cada mobília, setor e equipamento — e atente-se às exigências regulatórias de centros cirúrgicos para clínicas veterinárias;
  • monte um sistema de cadastro completo para as necessidades dos seus clientes e dos seus pacientes. Um sistema de gestão também atua em alinhamento ao que você necessita, mantendo os dados atualizados e organizados de modo que o prontuário veterinário esteja sempre à mão em eventuais consultas e atendimentos de emergência;
  • a agenda, também, é uma ferramenta valiosa. Organize-a conforme a capacidade de atendimento diário e sempre leve em consideração um tempo extra, em cada consulta, para tirar dúvidas ou mesmo compensar eventuais atrasos;
  • monte uma escala de trabalho que extraia o melhor de cada colaborador, mantenha-se em alinhamento com as leis trabalhistas e garanta eficiência operacional o tempo inteiro.

Para tudo isso, você pode contar com sistemas de gestão como o SimplesVet. Esse é um dos grandes diferenciais tecnológicos para clínicas veterinárias, atualmente, porque realmente concentra toda a organização da empresa em uma só plataforma. E as informações são integradas, atualizadas em tempo real e podem ser acessadas simultaneamente por mais de um dispositivo, e de qualquer lugar.

O que fazer para atrair clientes para clínica veterinária?

Vet Medical Center (ES), cliente SimplesVet

Isso evita desencontros de dados, gargalos de comunicação e carência no preenchimento de informações importantes. Aspectos que podem ser significativamente erradicados da sua rotina com um software de gestão.

O que fazer para atrair clientes para clínica veterinária?

Destacamos, anteriormente, o valor das campanhas de marketing em um planejamento estratégico para clínicas veterinárias. E podemos nos alongar, aqui, em efetivas ações que ajudam a atrair clientes para a sua empresa.

Abaixo, destacamos alguns pontos bem interessantes para isso:

  • monte um plano de marketing, pelo menos, levando em consideração diversos objetivos;
  • crie presença digital e sustente-a por meio de engajamento nas plataformas digitais;
  • esteja onde o seu público-alvo e audiência estão ao usar as redes sociais;
  • desenvolva estratégias de fidelização, como brindes e kits promocionais;
  • participe e/ou organize eventos na sua loja (como campanhas de adoção, vacinação, consultas etc.);
  • use SMS e o WhatsApp para notificações, lembretes e campanhas segmentadas.

Mais uma vez, sistemas de gestão podem fazer toda a diferença para a sua gestão. Ferramentas como o SimplesVet contam com módulos focados  em ações específicas para isso, visando a atração e também a retenção de clientes em sua clínica veterinária.

Como montar uma clínica veterinária passo a passo?

Com o seu planejamento estratégico debaixo do braço, para te acompanhar em todas as etapas de execução do seu empreendimento, falta transportar as suas ideias para uma loja.

E é aí que entram as nossas últimas dicas deste artigo: um passo a passo sobre como montar uma clínica veterinária. Confira com base na lista a seguir:

avalie o que é exigido por lei para montar a estrutura da sua clínica;

  • alinhe essas necessidades com as dimensões do espaço que você vai ter à disposição para construir a sua empresa;
  • legalize o seu negócio na Junta Comercial e registre a clínica no Conselho Regional de Medicina Veterinária;
  • tire a licença da Vigilância Sanitária (emitida pelo Centro de Controle de Zoonose local);
  • avalie a equipe necessária para abrir a sua empresa;
  • crie suas páginas digitais (sites e redes sociais);
  • invista em tecnologia para ter um sistema de gestão alinhado ao dia a dia da sua empresa;
  • desenvolva o seu plano de lançamento.
Como montar uma clínica veterinária passo a passo?

Clinvet (BA), cliente SimplesVet

Com isso, você tem um passo a passo básico, mas completo, para colocar a sua empresa no mapa. Literalmente, com tudo preparadinho para atender da melhor forma possível os tutores e seus respectivos animais de estimação.

Mas vale reforçar: com o SimplesVet, você tem uma parceria efetiva em todas as etapas da sua jornada. E principalmente no dia a dia. Afinal, nosso sistema de gestão foi todo pensado para participar da organização, registro, atendimento e precificação dos seus produtos e serviços.

Tudo isso, com foco em garantir experiências positivas aos seus clientes e com simplicidade operacional para você não perder um minuto sequer de atendimento lutando contra a tecnologia.

Faça do SimplesVet o seu grande aliado! Clique aqui e teste o nosso software gratuitamente!

Mais de 6.700 empresas escolheram
SimplesVet para simplificar a gestão.

Conclusão

Viu como o planejamento estratégico para a clínica veterinária é importantíssimo? Ele é um suuuuper documento que leva em consideração tudo o que você precisa saber antes de tomar uma decisão tão importante quanto abrir ou expandir um negócio.

E deve ter dado para perceber o quanto o SimplesVet tem participação ativa e positiva na qualificação da sua gestão, certo? Se o planejamento estratégico deve sempre te acompanhar para as grandes decisões, é um sistema de gestão quem vai permitir que essas grandes metas e resultados sejam alcançados.

Conte conosco, então, para tirar qualquer dúvida que você ainda possa ter sobre o assunto e em como implementar o SimplesVet na sua empresa!

Posts relacionados

Receba conteúdos exclusivos sobre o mercado pet

É suuuper simples: basta cadastrar seu nome e e-mail.

"*" indica campos obrigatórios