Plano de saúde pet: um guia para gestores

Médica veterinária atendendo gato coberto por plano de saúde pet

Equipe SimplesVet  –  

Tempo de leitura: 11 minutos

Você já ouviu falar em plano de saúde pet? A gente imagina que sim. 

Afinal, esta tendência do mercado pet vêm conquistando tutores no Brasil e no mundo. O motivo? A cobertura de diversos serviços, por um valor mensal que costuma ser mais baixo do que os atendimentos particulares pontuais em uma clínica veterinária. 

Os planos de saúde para pets quadruplicaram desde 2016 e, hoje, já atingem cerca de 13,4% dos cães e gatos brasileiros. 

Quem é gestor pet sabe: os animaizinhos fazem parte da família dos seus tutores. E, é justamente por isso, que eles estão sempre em busca de protegê-los. 

É aqui que surge uma boa oportunidade para esta modalidade de cuidado. 

Médico veterinário que atende pelo plano de saúde pet
Cesvet (SP), cliente SimplesVet 

Tudo bem, mas você deve estar se perguntando: será que vale a pena embarcar nessa tendência ou será que é algo passageiro? Vem comigo, que eu te explico tudo sobre essa nova modalidade. 

Além disso, neste artigo, você também irá entender o que é preciso observar antes de implantar um plano de saúde para pets na sua empresa. 

Leia também: Tendências do mercado pet em 2023

Saiba mais sobre os planos de saúde pet

O plano de saúde para pets funciona como se fosse o de humanos. Ele oferece uma oportunidade para cuidar da saúde do pet sem precisar se preocupar com gastos inesperados. 

Com ele, o tutor poderá apostar nos cuidados preventivos, ao invés de correr para o veterinário só quando uma emergência acontecer. 

Como consequência deste cuidado, o animalzinho ganha mais qualidade de vida e vitalidade através dos cuidados contínuos. 

Por que os clientes buscam planos de saúde? 

De acordo com a pesquisa Domestic View 2022, da Kantar, os gastos com pets cresceram 129%. Este crescimento é um reflexo do aumento de adoções durante o período pandêmico. 

A chegada de um pet na vida de uma família exige preparação e ajustes no orçamento.  Afinal, tal qual um membro da família, o bichinho de estimação precisa de cuidados. 

Entre os maiores gastos de um pet estão os cuidados com saúde, que, normalmente, ocorrem de maneira inesperada para o tutor. O que gera, às vezes, gastos financeiros exorbitantes. 

Para evitar que isso aconteça, os tutores têm recorrido, cada vez mais, ao convênio pet. Com o auxílio de um plano, é possível prevenir doenças, economizar e, claro, prolongar a vida dos seus bichinhos. 

Gestor pet sorrindo enquanto cachorro marrom lambe o nariz
Funpets (PE), cliente SimplesVet 

Quais são as formas de adotar plano de saúde para pets na minha clínica? 

Hoje em dia, existem duas formas de adotar os planos: criando um convênio pet próprio, ou fazendo um contrato com uma ou mais opções já disponíveis no mercado. 

Ter um convênio próprio é ideal para quem já tem uma base considerável de clientes e deseja fidelizar. Esta é uma excelente oportunidade para quem é profissional veterinário ou possui profissionais como estes na equipe. 

Antes de escolher essa opção, você precisa levar em consideração o espaço físico, bem como a estrutura da clínica veterinária ou petshop. 

dupla de gestores veterinários atendem cachorra grávida via plano de saúde pet
Unicare (MG), cliente SimplesVet

Por outro lado, escolher um plano já existente é uma ótima opção para quem quer menos burocracia. Um dos benefícios desta escolha é a possibilidade de usar uma marca já conhecida no mercado, se tornando uma empresa credenciada desse plano. 

Escolher um plano de saúde pet já consolidado no nicho, irá atrair clientes que não conhecem sua clínica por reconhecer seu estabelecimento como uma empresa credenciada.  

Controle de vacinas, estoque e mais.
Gestão pet é com SimplesVet.

Vantagens de oferecer convênios veterinários na clínica 

Como te expliquei, existem duas formas de oferecer planos de saúde para pets. Porém, antes de mais nada é preciso analisar o que é melhor para a sua empresa. 

Por isso, a partir de agora, vou te explicar quais são as vantagens de oferecer plano de saúde animal na sua empresa. 

Incentivo à fidelização 

Uma empresa que cria seu próprio plano de saúde pet incentiva que os clientes façam os serviços apenas nela ou em estabelecimentos parceiros com quem tem uma relação. Isto acontece por diversos fatores: confiança, segurança e, é claro, economia.  

Além disso, antes de criar um plano de saúde pet você poderá observar os detalhes que mais importam para os seus clientes. 

Por exemplo, vamos supor que a sua clínica recebe todos os meses um grande número de tutores de filhotes. Para este público em específico você pode criar um plano de saúde que inclui cuidados exclusivos para pets filhotinhos. 

Parece simples, não é mesmo? Mas à medida que esse animalzinho for crescendo, você pode ir oferecendo upgrades no plano. Os upgrades servirão para adicionar serviços que cobrem as necessidades do pet enquanto ele for crescendo. 

Gatinho rajado no colo de uma médica veterinária de plano de saúde pet
Portão (PR), cliente SimplesVet 

Agora, se você escolher ser representante de um plano de saúde pet externo, você também trará incentivos para os clientes. Afinal, você aceita o plano que eles utilizam. 

Essa possibilidade cria oportunidades para fidelização e traz boas chances de ganhos financeiros para sua empresa. 

Chance de alcançar mais pessoas

Os planos de saúde pet que já existem no mercado possuem uma base de clientes e, quando uma clínica passa a oferecê-los, ela passa a ser vista pelos consumidores. 

Já as empresas que criam seus próprios planos oferecem um diferencial para sua empresa. Para alcançar mais clientes você pode:

  • Investir em propagandas 
  • Oferecer condições especiais de adesão para a sua base de clientes 
  • Oferecer descontos por indicação 
  • Oferecer descontos progressivos para tutores que tiverem mais de um animal 

Aumento do faturamento 

O aumento dos ganhos financeiros é, com toda a certeza, um dos maiores benefícios para começar a oferecer convênios veterinários na clínica. 

O motivo disso é que, com um plano de saúde pet, você obtém recorrência de pagamentos, garantindo assim a saúde financeira da sua clínica. 

Além disso, no caso dos planos já existentes, embora a clínica receba menos por consulta, a chance do cliente voltar (e de mais clientes virem a cada mês por causa do plano) é grande! 

Super interessante né?! Bom, só por este benefício já vale a pena implementar um plano de saúde pet na sua clínica veterinária ou petshop. Mas não para por aí. 

Gestor veterinário analisando indicadores de desempenho do plano de saúde pet
Vita 24h (PE), nosso cliente, analisando indicadores de desempenho do sistema SimplesVet 

Leia também: Gestão Veterinária: Guia prático para administrar sua clínica

Diferencial diante da concorrência 

Clínicas e hospitais que possuem a opção de plano de saúde pet se diferenciam da concorrência por oferecerem possibilidade de economia para os tutores. 

Um plano de saúde oferece uma economia, se comparado aos serviços veterinários pagos de maneira particular. Principalmente quando o animalzinho passa por processos custosos como internação ou determinados exames. 

Para os pets e tutores, o plano de saúde pet é vantajoso, porque o animal recebe tratamento veterinário constante sem a necessidade de gastar muito. 

Agora, falando em relacionamento, uma clínica ou hospital que oferece plano de saúde pet traz mais segurança para os tutores. E ter a confiança do tutor é, sobretudo, o mais importante. 

Vantagens de criar um plano de saúde pet 

Bom, acho que você já percebeu o quanto é vantajoso oferecer um plano de saúde pet. Porém criar o seu próprio plano pode ser ainda melhor. 

Um dos principais motivos de criar o seu plano é potencializar o crescimento da sua empresa – e não apenas isso. Por isso, neste tópico vou te explicar quais são os benefícios de criar seu próprio plano de saúde. 

Faturamento total

Criando seu próprio plano de saúde pet, a empresa receberá o faturamento total das mensalidades do plano, em vez de apenas uma porcentagem dos serviços prestados.    

Isto é especialmente significativo para empresas que lidam com um volume grande de atendimentos. O que torna o plano de saúde pet uma excelente fonte de faturamento. 

Além disso, os clientes pagarão a mensalidade do plano mensalmente, independentemente da realização de serviços, o que gera pagamentos recorrentes para a empresa. 

A recorrência permite que você possa estabelecer um relacionamento mais próximo com o seu cliente. Isto acontece porque, ao contrário de compras ocasionais, o tutor firma uma parceria com o seu estabelecimento. 

Exclusividade

Ao pagar o plano de saúde pet de uma empresa específica, o cliente tem mais chances de realizar todos (ou a maior parte) dos seus serviços naquela clínica ou hospital veterinário. Isso aumenta a fidelização da clientela. 

Se a sua clínica não tiver a estrutura completa para realizar 100% dos serviços do plano de saúde pet, você pode, por exemplo, ter parceria com outras empresas – transferindo para elas parte do valor do serviço realizado. 

Gestores veterinários conversando avaliando cachorro coberto pelo plano de saúde pet
Planet Pet (PE), cliente SimplesVet 

Cuidados a tomar antes de criar um plano de saúde pet 

Criar um plano de saúde é abrir uma empresa nova, então, é preciso seguir um passo a passo para que o negócio dê certo. Confira quais são: 

  • Fazer uma análise de mercado para entender o que é oferecido hoje e quais seriam os seus diferenciais; 
  • Criar um planejamento inicial, identificando a estrutura da sua empresa e o que já poderia oferecer no seu plano de saúde
  • Analisar a necessidade de parcerias para realização de serviços 
  • Planejar o formato do plano (opções, benefícios, mensalidades, carência)
  • Fazer um planejamento financeiro para estimar o ROI do investimento 
  • Realizar o registro do plano de saúde animal no Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV)

Outra informação importante a ser levada em consideração é que, embora a clínica irá receber o faturamento total do plano, outras despesas precisam ser levadas em consideração. Entre elas estão: impostos, taxas e possíveis custos relacionados a parcerias com outras empresas. 

Por este motivo, antes de mais nada, é preciso criar um plano financeiro para o seu plano de saúde, analisando se o ROI (retorno sobre investimento) compensa.  

Vantagens de adotar planos existentes no mercado

Caso você não tenha interesse em criar seu próprio plano de saúde, seja pela burocracia ou por ainda não conhecer o segmento, você também pode aderir às opções já existentes no mercado. 

Aderir a um plano já existente e se tornar credenciado é uma excelente opção. E, para que você possa tomar essa decisão da maneira mais assertiva possível, agora, vou te apresentar quais são as vantagens. 

Menos burocracia 

Aderir a um plano já existente significa não ter que criar uma nova solução do zero. E isso, reduz (muito) a burocracia. 

Quando sua clínica se torna credenciada de um plano de saúde pet de prestígio, você automaticamente, se torna uma referência local. Isso traz mais credibilidade e não exige muito esforço. 

Afinal de contas, quem se preocupa com a parte burocrática é a empresa do plano de saúde e não você. 

Gestor veterinário analisando plano de saúde pet
Planet Pet (PE), cliente SimplesVet 

Variedade de opções de planos de saúde pet

Ser menos burocrático é apenas um dos ganhos de escolher aderir a um plano já existente. 

Ao optar por essa possibilidade, você ganha um leque de opções já que, atualmente, existem diversas opções no mercado. 

Neste momento, nosso conselho é: analise bem e com muita calma. Afinal, um bom plano de saúde para sua empresa pet deve oferecer mais do que custo-benefício, ele precisa ser bom para seus clientes. 

Cuidados a tomar 

Apesar de ser menos burocrático e ter diversas opções para escolher, existem alguns cuidados que precisam ser tomados.

Empresários que escolhem aderir aos planos já existentes precisam analisar se a margem de contribuição faz sentido para o financeiro ou não. 

Além disso, também é suuuper importante analisar a percepção da imagem do plano e pesquisar para saber se existe algo negativo sobre ele. Avaliar esses pontos é importante já que a sua empresa se associará a ele. 

Como comunicar o plano de saúde pet para os tutores 

Bom, acho que a gente vai concordar: de nada adianta se esforçar para oferecer planos de saúde incríveis se os seus clientes não ficarem sabendo disso. 

Por isso, depois de escolher qual estratégia você vai adotar, será hora de investir em comunicação. E, para que você possa fazer isso da melhor forma possível, preparamos esse tópico que falará apenas sobre como comunicar os planos para os tutores. 

Mostre que este é um diferencial da sua clínica 

Não são todas as clínicas que possuem ou aceitam planos de saúde. É por este motivo que é muito importante comunicar essa possibilidade para os tutores. 

Este fator pode ser decisivo para a aquisição de novos clientes ou para que os clientes da casa optem por realizar serviços mais custosos na sua clínica. Dessa forma, você pode ofertar o plano para clientes e comunicar essa novidade por todos os seus canais de comunicação.

Duas mulheres sorridentes conversam na recepção de clínica veterinária sobre plano de saúde pet
Planet Pet (PE), cliente SimplesVet 

Explique as vantagens do plano de saúde pet

Ao ofertar o plano de saúde para os tutores, foque nos benefícios que ter um plano oferece: 

  • Chega de gastos inesperados – Quem é tutor de um pet sabe o quão custoso pode ser uma emergência. Mas, ao fazer um plano de saúde, o pet estará coberto e seguro em relação a qualquer imprevisto. 
  • Mais qualidade de vida para o bichinho – Com um plano de saúde, o pet terá acompanhamento veterinário com mais frequência. Este tipo de atendimento irá evitar não só emergências, como também irá identificar doenças logo no início o que facilitará o tratamento.

Estas informações são as mais importantes e precisam ser destacadas na comunicação. Por exemplo, se você deseja atrair mais clientes, vale a pena comunicar o plano nas redes sociais, criar panfletos. 

Agora, se o que deseja fazer é trazer seus próprios clientes para o plano ( uma boa opção para quem tem plano próprio, pois gera recorrência para a clínica). Uma outra boa oportunidade é o envio de mensagens diretas para os clientes, comunicando esses benefícios e muito mais.  

Deixe claras as limitações do plano de saúde 

Assim como é super importante informar os benefícios do plano para os clientes, também é preciso falar das limitações. 

Todo plano possui suas limitações, portanto, no ato da contratação passe todas essas limitações para o tutor. 

Ao informar logo no começo quais são as limitações, o tutor saberá exatamente ao que ele tem direito ou não. 

Gerencie sua clínica veterinária com SimplesVet 

Ter um plano de saúde para pet é um diferencial enorme, mas gerencia-lo com tranquilidade e ajuda de um sistema de gestão é um diferencial ainda maior. Afinal, você estará lidando com a saúde dos bichinhos e a confiança de seus tutores.

médico veterinário analisando as informações do plano de saúde pet
Unicare (MG), cliente SimplesVet 

É neste ponto que entra o SimplesVet, um sistema de gestão para clínicas e hospitais veterinários que simplifica o seu dia a dia. Com ele você consegue: 

  • Criar e gerenciar campanhas de marketing – Dentro do próprio sistema você consegue criar campanhas para comunicar as novidades para os seus clientes. Quer saber mais? Clique aqui e entenda como fidelizar clientes através de ações de marketing.
  • Entender o comportamento dos seus clientes –  Descubra qual é o comportamento de novos e antigos clientes a partir da adoção do plano. Use estes dados para fazer melhorias no plano e personalizar cada vez mais o serviço.
  • Realizar pesquisas de satisfação – Descubra se os clientes estão gostando da sua empresa e se o serviço ofertado pelo plano está sendo satisfatório.
  • Oferecer acompanhamento do pet via aplicativo – Com o SimplesPet, um app exclusivo para tutores. Você irá oferecer muito mais tranquilidade e segurança, já que o tutor poderá acompanhar a evolução do pet, ver resultados de exames e muito mais. Tudo isso, na palma da mão!  
  • Controlar seu financeiro – Ter um financeiro bem organizado é o segredo para manter a saúde financeira da empresa. Conte com o SimplesVet e suas funcionalidades para te ajudar a perceber como andam os recebimentos da clínica ou hospital veterinário. Clique aqui para saber mais sobre organização financeira

Mais de 6.700 empresas escolheram
SimplesVet para simplificar a gestão.

Experimente o SimplesVet com 7 dias grátis

E aí, curtiu essa tendência? Acho que sim, afinal de contas, essa é uma excelente oportunidade para o seu negócio. 

E, agora que você já sabe como os planos podem ser vantajosos, quero te convidar para conhecer uma ferramenta que te ajudará a potencializar seu negócio: o SimplesVet

Gestor pet apresentando o simplesvet para gerenciar plano de saúde pet
Univet (ES), cliente SimplesVet 

O SimplesVet é o sistema de gestão pet escolhido por mais de 5.000 clínicas veterinárias e petshops em todo Brasil. E você pode experimentar o sistema completo durante 7 dias grátis! 

Clique aqui para experimentar o sistema número 1 do mercado pet

Posts relacionados

Receba conteúdos exclusivos sobre o mercado pet

É suuuper simples: basta cadastrar seu nome e e-mail.

"*" indica campos obrigatórios